Hora do Rush, Avião, Metrô, Sardinha em Lata

Avião, como se “viu, como se vê”, não é para quem tem pressa.

Dá até para fazer frase – enaltecendo/homenageando  o melhor meio de transporte do mundo.

Lá vai:

Quem tem pressa vai de metrô, fora da hora do rush (rush do metrô) naturalmente!!!

O parêntese parece óbvio,  mas não é, já que duas vezes por dia (pelo menos) acontecem meta-rushs ao quadrado – a saber, rush dentro de rushs múltiplos!!!

É o que faço sempre que posso.  Sempre, sempre mesmo, se tem metrô, vou de metrô!!!

Microconto* meu a respeito do metrô na hora do rush:

Em cada metro quadrado dos vagões do metrô de S. Paulo,
todos os dias,  oito pessoas ensardinham-se em latas gigantes**

*118 dígitos.

** Feito a  partir de notícia da Folha do dia 08 ou 09 de setembro de 2008 informando  que o metrô de S. Paulo é um dos mais cheios do mundo, com oito pessoas por metro quadrados nos horários de pico. Observação,  quatro anos depois, a situação deve ter piordado bastante.

A propósito de Sardinha, puxando a brasa para a minha,  microconto muito triste, infelizmente,  muito verdadeiro e muito lindo!!!

+++++

Se quiser relembrar porque avião não serve para quem tem pressa, clique aqui

Um comentário sobre “Hora do Rush, Avião, Metrô, Sardinha em Lata

  1. Adorava andar de Metrô nos meus passeios por São Paulo e também para trabalho.

    Atualmente estou de mal com este transporte de massa, que mais parece estar para Inferno do que para Céu.
    Quem sabe um dia, eu volte a perambular pelos vagões deste tão importante transporte,que tem a carta de Sampa.
    ++++
    Caro Cícero:

    É a tal história: casa onde falta pão todo mundo grita e ninguém tem razão.
    Repito o que sempre digo, fora da hora do rush, tendo metrô onde eu quero ir, vou de metrô mesmo que alguém me ofereça um Jaguar com Motorista.
    Agora, no Rush…. nada resolve; menos ainda, Jaguar com Motorista!!!!

    Abraços

    Paulo Mayr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *