Inferno Informal

Semana passada, na padaria vizinha de casa.  Eu sentado à uma mesa.  As outras quatro mesas sem pessoa alguma.  Mulher que não conhecia senta-se à minha mesa, sem pedir, sem nada.  Até aí,  eu achei simpático.  Porém e, como dizia Plínio Marcos, sempre tem um porém, ela sacou o smarthphone.  Mudei-me para a mesa mais distante que pude.

6 thoughts on “Inferno Informal

    1. Betty:

      Contente que vc tenha gostado. Quanto ao título, excelente; porém, sempre tem um porém (risos), já dá uma indicação de qual será o fim..

      Abraços

      Paulo Mayr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *