Sem Educação só Aprendem na Porrada!!!

Não assisti à cena, mas soube que, cerca de uns cinco  meses atrás, sujeito arranjou confusão do tamanho de um bonde com uma mulher em padaria de Higienópolis, por conta do cachorro dele que estava sem coleira.

Há pouco, cruzo com o mesmo cara e o mesmo cão.  O sujeito gritava em um celular, desses acoplados à orelha (e ao cérebro – se é que ele tem um) e o cachorro,  belo e fagueiro, sem coleira, é lógico.

Domínio Público, a natureza limitou a inteligência, mas não limitou a burrice.

Eu, há  limite para a boa Educação.  Você pode imaginar pessoas educadas como os membros da realeza europeia (inferno, agora é sem acento), acima disso, não há coisa alguma.  Para a barbárie, entretanto,   não existe limite.

Talvez,  se um dia,  esse sujeito levar umas belas porradas, ele aprenda.  Conhecia um orgão sensível dos sem educação – o bolso.  Agora, me dou conta de que o nariz e a cara estropiadas  também doem.

E esses sujeitos  acabam  encontrando  outro cara como eles!!!  Aí, eu quero ver!!!  Na manhã seguinte, nem o sujeito  nem  o cachorro estarão pelas calçadas do bairro!!!

 

5 pensou em “Sem Educação só Aprendem na Porrada!!!

  1. Mayr, esse negócio de cachorro é perigoso. Existem pessoas que não pensam na segurança do próximo; e, com esse egoismo, terminam por não pensar na própria segurança. Vou contar um fato que aconteceu com pessoas minhas conhecidas; e nem a quinhentos metros da minha casa. O sujeito, torrudo, (sempre foi), ignorante, tinha um cão de uma raça que dizem ser perigosa. O cachorro vivia trancado. Um dia ele escapou e matou na calçada um cachorrinho fox paulistinha da vizinha, inofensivo. A mulher, solteirona e solitária, sentiu a morte do animal. Chamaram a atenção do cara; aconselharam a mulher a buscar a justiça; mas ela preferiu deixar nas mãos de Deus. Tempos depois a mulher do cara levantou de madrugada para recolher a roupa no varal, com medo de que iria chover. O próprio cão do marido dela a estraçalhou no quintal. Coisa horrenda. A mulher era uma boa pessoa. No marido ignóbil manifestou um cancêr, que o matou meses depois. Coisa triste; e as pessoas nao aprendem…

  2. Em frente à casa de meus pais tem um prédio residencial de classe média alta, as madames e os senhores saem com seus cães ( uns chamam de filhos ) e levam para fazer o que os donos tem na cabeça em frente à casa dos outros, claro meus pais são sorteados. Certa vez gritei com uma madame, ela achou ruim é disse que ia chamar o marido, estou esperando até hoje. Bom fim de semana.

    1. Caro Antônio:

      Fico com pena de você e de sua cachorra. Como eu digo, sem-educação só aprende na Porrada. Esse a que me refiro, logo, logo, pega o dele.

      Abraços

      Paulo Mayr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *