Jantar Perfeito Sabadão, Sem Filas e Com Preço Justo

Jantar  magnificamente bem fora de casa em um sabadão, sem enfrentar filas,  pagando preço justo, com possibilidade de conhecer gente nova.

Sonho???

Não. Isso existe!!!

Sílvia, que sempre teve na gastronomia seu hobby, resolveu profissionalizar esse  talento e tem promovido em sua casa jantares para amigos e amigos de amigos, nunca mais do que doze pessoas.

Fim do ano passado,  fui  conferir.  Agora, com o começo efetivo do ano,  no dia 23 de fevereiro haverá uma nova edição.  Já me inscrevi novamente.

Eu não conhecia pessoalmente a anfitriã, mas tinha a indicação da  amiga  que me convidou.  Sempre aberto a conhecer  novas pessoas, tive a grata satisfação  de reencontrar dois colegas do colegial, que não via desde então. Mesmo que não tivesse encontrado conhecido algum, teria sido muito agradável,  já que todos os participantes eram pessoas de ótima conversa.

Melhor do que a conversa – aliás, sem música ambiente, ou música imperceptível, não me lembro – estava a comida.

Cardápio ultra equilibrado,  porções generosas. Hoje em dia, está muito na moda harmonização de comida e vinho.  Acho o máximo.  Entretanto, antes de se  pensar em combinar  comida e vinho, é fundamental que  cada etapa do jantar combine com todas as outras.  Nesse quesito, desde os aperitivos do início da noite, até a sobremesa,  foi um jantar perfeito.

Sobre  quão formidável estava a comida, não existe alternativa:  vocês têm que confiar em mim.  Reitero:  tudo estava delicioso. Já a combinação entre os pratos, leia o Cardápio abaixo e veja se dá para discordar.
Aperitivos:
Geléia de tomate e gengibre com torradinhas
Azeitonas em ervas
Entradas:
Camarão Thai – empanado no côco, guarnecido com molho de manga e hortelã
Vol-au-vent de shimeji
Pratos principais:
Lasanha nobre – com alcachofra, alho poró e presunto parma
Salmão ao tomate seco – assado com ervas aromáticas e tomate seco, acompanhado de salada de abobrinha e folhas
Sobremesa:
Pera  – cozida em vinho, com damasco, nozes e passas,

Para beber, havia uísque, água, refrigerantes, vinho tinto e vinho branco.  Bebidas são cobradas à parte.

Parece uma noite dos sonhos, mas tem uma dificuldade a ser transposta. (Afinal, o difícil torna ainda mais gostoso!) Como os jantares são na própria casa da anfitriã, Sílvia, por medida de segurança,  só  aceita pessoas indicadas por conhecidos comuns.   Eventualmente você, que tenha se interessado, que além de leitor do Boca, seja meu amigo, pode  se comunicar comigo que eu indico/endosso seu nome.  Em tempo:  mesmo que pessoa alguma tenha cogitado, já esclareço que não recebo qualquer comissão da anfitriã.

Para melhorar ainda mais o próximo jantar,   Silvia cuidou de  incrementar  propondo vinhos harmonizados com cada etapa, inclusive a sobremesa.

Aliás, nesse próximo já haverá a possibilidade de participar de jantar com Harmonização de vinhos ou apenas com água e refrigerantes.
Se essas deliciosas reuniões gastronômicas  vão se tornar frequentes, vou querer comprar uma cadeira cativa. E  não aceito Não como resposta!
++++++++
Bem, para a tarefa de sugerir os vinhos, Sílvia não poderia ter feito melhor escolha. Ela consultou o formidável Marcelo do Supermercado Santa Luzia, e ele propôs um vinho para  acompanhar cada etapa do jantar.
Repetindo,  nesse próximo jantar do dia 23 quem quiser pode optar pelo jantar apenas com água, refrigerantes e sucos.   Já os que apreciam vinhos, poderão pagar uma taxa adicional e  saborear cada prato com o vinho absolutamente adequado, sugerido por Marcelo,  especialista da Casa Santa Luzia.  Lembrando sempre  que a Casa Santa Luzia   desde a década de 20 do século passado  encanta os gourmets/gastrônomos paulistanos, ainda que naquela época não fossem tão comuns os termos.

Novamente o cardápio, que será o mesmo do jantar do qual participei, agora com sugestões dos vinhos para acompanhar cada etapa

+++++++++++++++++++++
Aperitivos:
Geléia de tomate e gengibre com torradinhas
Azeitonas em ervas
Vinho: Don Román Brut Espumante – Espanha

Entradas:
Camarão Thai – empanado no côco, guarnecido com molho de manga e hortelã
Vol-au-vent de shimeji
Vinho: Don Román Brut Espumante – Espanha

Pratos principais:
Lasanha nobre – com alcachofra, alho poró e presunto Parma
Vinho: Vina Mar Reserva Pinot Noir – Chile

Salmão ao tomate seco – assado com ervas aromáticas e tomate seco, acompanhado de salada salada de abobrinha e folhas”;
Vinho: Vina Mar Reserva Pinot Noir – Chile

Sobremesa:
Pera  cozida em vinho, com damasco, nozes e passas,.
Vinho: Bodega Norton Dulce Natural Cosecha Tardia – Argentina

++++++++

Repito, eu vou.  A gente se encontra lá???

1 pensou em “Jantar Perfeito Sabadão, Sem Filas e Com Preço Justo

  1. Ótima reportagem! Os jantares são realmente muito bons, já fui conferir também!
    +++++++

    Prezado Ricardo:

    Agora já são dois – eu e você – avalizando o jantar. E eu vou a esse próximo. Espero que vc também esteja lá.
    Abraços

    Paulo Mayr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *