Estacionar, o Inferno Começa nas Garagens

Reportagem da primeira página do Caderno Cotidiano da Folha de Hoje é sobre esforços  que condôminos e condomínios têm empenhado para aumentar o número de vagas nas garagens.  No bairro da Pompéia, por exemplo, um prédio contratou nove (é isso mesmo, nove) manobristas para cuidar da garagem.  Estresse que não acaba mais…  Márcio Rachkorsky, advogado com especialização  em condomínio, é excelente colunista da rádio CBN.  Em um dos seus comentários, ele disse que a garagem é a principal causa de desavenças em prédios.  Se quiser ouvir algumas participações de Rachkorsky na sua coluna da CBN – Condomínio Legal, Clique aqui, vale muito a pena

Reportagem da Folha, clique aqui

Para relaxar.

Meados da década de 80, combinei de jantar com meu amigo Mário (muito citado aqui no Boca).  Ele topou, mas teria que ser depois da reunião extraordinária de condomínio que, já naquela época, iria discutir exatamente esse assunto: como fazer para que no mesmo espaço da garagem fossem acomodados mais carros. Assisti ao terço final da assembléia.

Arquiteto, Mário  fez um desenho que solucionava a coisa.  Expôs  muito bem  e com muita desenvoltura a situação para os vizinhos e a situação foi resolvida.

Comentando e comemorando o sucesso de sua intervenção, ele me diz:

– Para alguma coisa o Movimento Estudantil serviu!!!!

E Millôr Fernandes, como sempre, mata a Pau a questão da falta de vagas.  Disse ele mais ou menos o seguinte (tentei achar a frase, mas não consegui – reproduzo de memória):

– Deus veio ao mundo, mas não encontrou lugar para estacionar.

Como se vê, problema infernal que nem Deus resolve.

1 pensou em “Estacionar, o Inferno Começa nas Garagens

  1. “São Paulo não pode parar porque não há vagas para estacionar.” – Zé Simão
    +++++
    Caro LM (que não revela o nome, não sei por que)

    Boa frase essa do José Simão. Não conhecia. Bem lembrada.

    Abraços

    Paulo Mayr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *