Lula, Cristo e Judas

Lula explicou-se e explicou atitudes de políticos com suas figuras de linguagem de sempre em entrevista publicada hoje na Folha de São Paulo. Ele disse:

“Se Jesus Cristo viesse para cá e Judas tivesse a votação num partido qualquer, Jesus teria de chamar Judas para fazer coalizão.”

O homem, principalmente o homem do século 21, tem infinitas escolhas de atividades para exercer, desde as mais rotineiras,  tais quais – dentista, jardineiro,  contador, motorista, técnico agrícola;  quanto as mais fascinantes : tenista profissional, piloto de Fórmula 1,  alpinista, cantor de rock ou de ópera, artista plástico.-

Pois bem,  supor que Jesus Cristo seria exatamente  político é muito curioso. 

Vale lembrar a piadinha de domínio público que já publiquei aqui.  Lá vai:

O Diabo aparece em um avião de carreira e avisa que vai derrubá-lo.
Passageiros e tripulação, em pânico. Tranquilamente ACM, que estava a bordo, diz:
– Deixa pra mim.
E dirige-se ao Diabo:
– Diabo, é o seguinte. Eu sou de uma cidade, Salvador, que tem um prefeito. O prefeito não manda nada. Quem manda sou eu. Salvador fica na Bahia, que tem um governador. O governador não manda nada. Quem manda sou eu. A Bahia fica no Brasil que tem um presidente que também não manda nada. Quem manda sou eu.
ACM continua:
– Diabo, eu tenho certeza de que não vou pro céu!!!
O Diabo desaparece e o avião continua voando em céu de brigadeiro.
++++++++++++++++

Se a voz do povo é a voz de Deus, não se precisa dizer mais.

3 pensou em “Lula, Cristo e Judas

  1. Mayr,
    Acho válidoo Lula usar figura de linguagem para argumentar e tentar convencer o povo que ele está certo. Nessa do Jesus Cristo que vc se refere, o Lula, apesar de pouco letrado e oriundo do nordeste onde passou maus bocados na infância, extrapolou sua peculiar prepotencia. Essa dele se comparar a Cristo e sugerir que o Sarney seja o Judas para justificar a coalisão PT/PMDB foi demais. Mas, como ele tem expressiva aceitação do povo (87%) ele acha que tudo pode. Inclusive indicar uma sem carisma e sem flexibilidade, qualidades essenciais dos políticos, para a presidencia. Tá certo que ele conta com os votos de pelo menos 25 milhões de beneficiários do Bolsa Família que votam (total de beneficiários=45milhões de pessoas ou quase 1/4 da população do Brasil). Quanto ao ACM, já foi tarde. Foi um dos coronéis que acasbrestava também os votos dos nossos simpáticos baianos.

  2. Mayr,
    Notei que vc algumas vezes demora para moderar o que aqui postamos. Isso, dificulta o debate entre as pessoas que participam no seu espaço. Sugiro, sem querer ser chato, no sen tido de dinamizar e aumentar a participaçao dos leitores a vc excluir a sua moderação, a exemplo que muitos colunistas procedem. Para tal, vc pode colocar as regras que vc exige para quem quer participar da discussão, tipo não vale ofensas pessoais, repetir comentários, discorrer sobre outros assuntos que não sejam relacionados ao tema que vc escreveu, etc…
    abraca-o
    Giordano
    ************
    Caro Giordano:

    Demoro para responde pq meu computador fica no escritório. De qualquer forma, vou fazer exatamente o que você sugere. Vou ver como faz para excluir a minha moderação e tb para colocar as “normas”.
    Você tem toda razão no seu comentário.

    Muito obrigado.

    Paulo Mayr

  3. Caro Paulo Mayr!!!
    Nosso comentarista assíduo deste blog , JOSÉ GIORDANO disse palavras vedadeiras,sobre o tema deste artigo:LULA, CRISTO E JUDAS e só resta acrescentar que o “ACM” se foi e o “LULA” ficou, e espero que ele não fique mais 40 anos no poder como fêz o grande ditador ‘FIDEL CASTRO”.Eu particularmente estou torcendo para que ele entregue o poder como bom democrata que dizia ser,para que tenhamos novos horizontes para o Brasil e o mundo…
    *************
    Caro Cícero:
    Você viu que agora o Boca conta com mais um fiel leitor??? O Giordano, para minha alegria, sempre bate um ponto aqui.
    Você pode ficar sossegado que o sucessor do Lula será escolhido em eleições democráticas. Talvez o sucessor do sucessor do Lula venha a ser novamente o Lula, mas sempre através de eleições democráticas.
    A história de proibir reeleições (já com pavor de Lula) e antes do final do primeiro tempo fazer a confusão que foi feita para aprovar reeleição é história que já se viu aqui, não é mesmo Cícero ??? (Cícero, que, parece, tá tucanando!!!)
    Abraço

Deixe uma resposta para CICERO GOMES Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *