MEGAS SHOWS NA TV, POR QUE NÃO???

Fãs fanáticos sempre farão as mais fabulosas e fervorosas demonstrações de amor e devoção para chegarem o mais próximo possível de seus ídolos nos shows. Eles não contam.  Estão acima e além de qualquer resquício de bom senso. 

Mas e os outros milhões  paulistanos, excluídos os 60/70 mil que conseguiram ingressos para o show da Madona,  que também gostam da cantora???  Azar deles!!!

Não seria “minimíssimamente” razoável que esses shows fossem transmitidos ao vivo pela Televisão???  Afinal, tratam-se de imensa produção, custos elevadíssimos para que apenas 300/400 mil brasileiros privilegiados fanáticos desfrutem do espetáculo.

Ao invés de argumentar que é  empreitada muito complexa,  profissionais das grandes emissoras de televisão deveriam arregaçar as mangas e botarem a cabeça para funcionar.  Quem sabe o próximo show de mega artista internacional não possa ser oferecido para todo mundo e não apenas para os valentes, bravos e ligeiramente esdrúxulos fãs de carteirinha???

22 pensou em “MEGAS SHOWS NA TV, POR QUE NÃO???

  1. Cara, em que planeta vc vive? Planeta naif? Tudo custa, tudo é vendido, nada é grátis.

    É por isso: alguém tem que pagar pra vc assistir em casa. E o show dela custa 5 milhoes de doletas só pelos direitos de transmissão.

    Got it?
    ****

    Caro Ênio:

    Veja que muitos concordam comigo.

    Grande abraço

    Paulo Mayr

  2. Olha, só desse da Madonna mesmo (dentro dos mega shows) pq o do Rolling Stones e U2 foram sim televisionados. A memória está curta.

    E o alvoroço nem precisa porque ainda sobraram ingressos até a data de hoje. Coisa que não acontece em NY, por exemplo. Isso que lá há um show da Madonna a cada 2 – 3 anos.

    Se o IG precisar de bons colunistas, por favor me chame. Falta um pouco de bom senso aqui.
    ************
    Não entendi sua primeira frase. Aliás, o primeiro parágrafo inteiro está meio confuso. O segundo também. Na verdade, só fica claro o último, quando você pleiteia uma vaga de colaborador do Ig. De qualquer forma, veja como você pode se tornar um colunista do Ig e trazer bom senso e textos claros para o Portal. Falo em meu nome, e não em nome do Ig.

    Grande abraço

    Paulo
    Abraços

    Paulo

  3. Respeito o currículo do blogueiro, bem como sua opinião acerca da transmissão (ou não) dos mega-shows. Mas “arregassar”… é um cruel e violento atentado contra a já constantemente vilipendiada língua portuguesa. O pior é que o IG é formador de opinião, podendo inclusive popularizar esta grafia errônea da palavra. E, se continuar assim, logo haverá uma nova reforma ortográfica suprimindo a cedilha também… ou essa reforma ortogrãfica a assassinou e não estou sabendo?
    *******
    Prezado Antônio Valente:

    Arregaçar com dois ss foi lapso de doer muito mesmo (já fui até olhar no Aurélio Eletrônico para ver se não cometi outra batatado no lapso) E o mais grave é que tanto no Word, como suponho na própria página para escrever no Ig, há corretor de textos.
    Antônio Valente, feita a correção, agradeço sua mensagem.
    Grande abraço (com ç mesmo e não dois ss)
    Paulo

  4. existe gosto pra tudo,até……….. e ver a idósa madona.

    Martins:
    Nessa hora em que alguns de mau gosto estiverem assistindo ao show da Madonna, nada impede que você ouça concertos de Mozzart, áreas para violino, leia algum grande filósofo. Gosto de tudo isso e também de ter o direito de assistir a um show ao vivo.

    Obrigado por ter escrito.

    Abraços

    Paulo

  5. Concordo com vc. Mas as emissoras até tentaram alguma negociação porem a artista não permite transmissão ao vivo [ mesmo sendo pago á ela valor similar á sua apresentação ao vivo]. Dificil de entender!!!

    ************
    Igor:

    Suponho que se o artista sentir firmeza, ele vai acabar aceitando.

    Abraços

    Paulo

  6. quem paga são os anunciantes
    o famoso “brought to you by”
    É isso aí. Tão simples, né???
    Obrigado pelo comentário.
    Abraços
    Paulo

  7. Ha é? Mas não é impossível…o show do U2 passou na globo, lembram? Maravilha…
    **************
    Cara Angélica:

    Não seria uma maravilha e minimamente decente que a transmissão por TVs abertas acontecessem em todos os shows!!! Aliás, quando fossem feitos contratos com esses mega híper stars isso já ficasse estipulado.

    Valeu!!!

    Abraços

    Paulo

  8. A nossa TV já tem porcaria demais, dispensamos esta.
    Caro Everaldo:
    Seja democrático. Ninguém obriga você a ligar a televisão naquela hora, naquele canal que tiver transmitindo o show da Madona. Aliás, ninguém obriga você a ligar a televisão em momento algum do dia.

    Abraços
    Paulo

  9. Seria muito interessante e renderia uma boa audiência para a TV. Acredito que o problema está nos empresários, que acabam cobrando horrores das TVs complicando o negócio e prejudicando os outros fãs.
    ********
    James:
    Acho que o que eu e você falamos é mais do que óbvio. Entretanto, como vc pode ver nos comentários de outros leitores, somos taxados de ingênuos.
    Abraços
    Paul

  10. Realmente, Paulo, precisa ser muito ingênuo para pensar assim.

    E além de pensar assim, publicar esse pensamento em um blog… não tenho palavras que não te ofendam, por isso, melhor deixar como está.
    ********
    Muitíssimo Obrigado de me poupar de suas palavras ofensivas.
    De qualquer maneira, pense nisso, meu bordão no Boca no Trombone:
    “o homem já chegou à Lua – mais de 35 anos atrás – e por aqui (ou até em outros países) não se consegue resolver coisa tão simples que iria proporcionar a alegria de milhões de pessoas.”
    Abraços
    Paulo Mayr

  11. O show do U2 foi transmitido ao vivo pelo multshow, acreditava que a madonna também seria, o ibope seria alto e muitas marcas gostariam de colar seu produto neste evento televisivo e pagariam o custo , se não , acrescentaria um payper view .
    Caro Danilo:

    Penso exatamente como você. E acho, inclusive, que os contratos desses astros quando viessem para o Brasil já deveriam estipular que o show ou os shows seriam transmitido ao vivo para a Televisão.
    Valeu.
    Abraços
    Paulo

  12. “minimíssimamente”
    não tem acento

    Se é pra inventar palavra, inventa seguindo o bom português ¬¬
    *********
    Jack:

    Você tem razão. “Minimissimamente” não teria mesmo acento. Vou “inventar” com mais cuidado.
    Gostou do resto???
    Abraços
    Paulo Mayr

  13. caro paulo, percebi que o pessoal pegou um pouco no seu pé, o que acho errado temos opiniões diferentes, e a maior virtude do ser humano é aceitar o proximo como ele é, portanto na minha opinião os megashows devem ser como partidas de futebol transmitidos para outras cidades ou estados menos onde o mesmo está ocorrendo, e acho tambem que isso naum deveria ser divulgado para não atrapalhar a venda de ingressos pois, que os promove visa lucro como sempre. abraço p.s. esse povo que fica achando que entende muito de português eles que sejam voluntários e ajudem ensinando quem precisa não profissionais formados. e nois fala errado porque gosta porque estudado noi semo

    Caro Cristiano:
    Obrigado pelo seu apoio.

    Quando um post provoca polêmica é ótimo.
    Quanto à sua idéia de que os shows devem ser transmitidos para outras localidades exceto aquela em que ocorre, também não concordo. Acho que isso é uma idéia antiga (também sou meio antigo e me lembro de que os jogos eram e até são transmitidos para fora da cidade onde acontecem) que já deve estar meio superada. As quotas de patrocínio são muito altas e poderiam bancar firme para transmitir jogos e shows para todo o país, ou para o público que se interesse.

    O leitor que disse que cometi erro de ortografia estava certo. Escrevi errado uma palavra comum e reconheço. Até me esqueci que palavra era, mas já corrigi.

    Sempre que quiser, bote vc também a Boca no Trombone!!!
    Grande abraço
    Paulo

  14. Além do mais muitos shows acontecem com incentivo de algum orgão público. Nada mais justo que serem transmitidos.
    É exatamente isso, Nádia.
    Valeu seu comentário.
    Grande abraços

    Paulo

  15. A minha retórica:

    Vc diz não entender os meus 2 primeiros parágrafos.

    Volto a dizer. Os shows do U2 e Rolling Stones foram televisionados para as massas excluídas há alguns anos atrás (talvez 3). Eu, inclusive, assisti pela Globo.

    Esse, o da Madonna, não. Talvez por incompatibilidade de emissora e gravadora ou até pelo próprio artista.

    No segundo parágrafo falo sobre os ingressos. Se você tentar comprar hoje, para qualquer um dos dias em São Paulo e em qualquer setor, irá conseguir. E se aparecer na frente do estádio no dia também. Podendo comprar por até 40 reais (vale 250 mais taxa) um ingresso para a pista (coisa que aconteceu no Rio).

    Agora, pro pessoal que mora no Acre e queria ver e não tem disponibilidade ou “cascalho” para vir… paciência.

    O que quero passar no meu brainstorm aqui é que se sobraram tantos ingressos, às vezes o interesse não é tão grande. Entendeu?

    O que acontece é que o marketing por trás é tão grande, que você acha que aquelas pessoas, que parecem sofrer de patologias, fazem qualquer negócio para ver esse show. Coisas inúteis como ficar na fila pra ver o show 7 dias antes. Na hora, você vai fazer xixi e perde seu lugar lá dentro. Lá se vai os 7 dias de espera.

    A boca no trombone aqui seria para o show da Madonna. Não vamos generalizar TODOS mega shows. E vamos combinar… Hoje, os mega shows se dividem em U2, Madonna e Rolling Stones somente. Não existe mais o Queen (com Fred Mercury), o Michael Jackson já era. O que mais encheria um Maracanã ou Morumbi? Me diga?

  16. As TVs não aceitaram as condições da Madonna. O show deve ser transmitido na íntegra (sem comerciais) e sem narração por cima. Nenhuma emissora topou.
    ***********

    Caro Lourival:

    Não conheço detalhes dessa tentativa de negociação para que o show fosse transmitido. De qualquer forma, as negociações deviam ter continuado para que se chegasse a um resultado que agradasse milhões de pessoas que serão privados desse espetáculo.

    Grande abraço

    Paulo Mayr

  17. Acho que falta bom senso de ambos, se a tv pegar patrocinio etc consegue sim transmitir, mesmo que seja umas duas semanas depois, acho que isso é mais uma retaliação de empresários ou estrelismo demais da madona
    ************
    Caro Lívio:
    Vc é meio termo. Eu e alguns outros, como vc pode ver, somos a favor de que seja o show transmitido ao vivo.

    Abraços

    Paulo

  18. Isso envolve muitas coisas alem da vontade….. $$$$. Um show de grande porte custa caro, muito caro. E para televisionar tambem nao deve ser nada barato. Quem quiser assistir um show, que compre o DVD ou va no youtube ver trechos.
    Tem todo o lado do “sacrificio” de ir em um show, quem faz esse sacrificio merece certa “exclusividade”.
    Fui no show do U2 em 2006 (fui no que nao foi televisionado), vou no da Madonna e nao acho legal que grandes nem pequenos shows passem ao vivo……

    Espero que essa moda nao pegue, afinal, quem for fã mesmo, sempre da um jeito e vai no show de quem gosta….

    *********
    Jaílson:

    Que mal existe em que mais milhões de brasileiros assistam ao show pela TV??? Como você diz, fã mesmo dá um jeito de estar lá ao vivo.

    Espero que S. Pedro não castigue a brava legião de fãs da Madonna. Também a admiro.

    Boa sorte.

    Abraços

    Paulo

  19. “alguém tem que pagar pra vc assistir em casa.”

    tem que ser literal aqui e escrever ‘patrocínio’?

    Então tá.
    ***********
    Caro Ênio:

    Mas não é assim mesmo que funciona???
    Milhões de pessoas assistem às novelas, telejornais, programação das emissoras comerciais, enfim, exatamente porque alguém paga. E esse alguém que paga certamente está tendo lucro. Ou você acha que tal e qual empresa patrocinam novelas, futebol, apenas para que a dona de casa e o torcedor tenham lazer???

    De qualquer forma, continue botando vc também a Boca no Trombone, seja para ficar contra ou a favor das minhas idéias.

    Abraços

    Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *