CUIDADO PARA NÃO VIRAR UM GORDINHO MEDITERRÂNEO

O Globo Repórter de hoje será sobre Dieta Mediterrânea, “tipo de alimentação característica de alguns países da região do Mar Mediterrâneo (Itália, Grécia, Portugal, Espanha, França e outros). Este padrão alimentar é composto, basicamente, de vegetais, legumes, tomate, alho, frutas (maçã) e, principalmente, óleo de oliva, canola, cereais pouco moídos, nozes (pecan) e sementes, queijo branco e iogurte, além de vinho” e massas.

Certamente no programa será ressaltado que essa dieta, rica em calorias, é muito apropriada para quem tem atividade física intensa,-como por exemplo, os trabalhadores dos portos do Mar Mediterrêneo.

Há cerca de uns dois anos, pessoas que adoram andar no “topo da crista” da onda, enchiam a boca para proclamar que estavam fazendo dieta mediterrânea. Como advertiu um médico especialista bem humorado, sedentários que adotem essa dieta, ao invés de ganharem saúde e perderem peso, certamente vão se transformar em GORDINHOS MEDITERRÂNEOS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *