Arquivos da categoria: Microcontos/Contos

Microconto* – Político Barata

Assistir pela TV, ou mesmo ver impresso nos jornais, imagens do velho político corrupto ir rastejando, tal qual barata, para o camburão, tenho certeza, deu alegria para milhões de Brasileiros.

+++++++++++++++++++++

Observação – Escrevi no dia em que a coisa aconteceu, só estou postando agora.  Dou um doce para quem NÃO adivinhar.  Quem quiser, pode chutar.  Entretanto, não vou comentar coisa alguma para não me comprometer.

*163 – Dígitos, sem considerar o título

A que Ponto se Chegou!

Lutou  pela emancipação feminina. Decepcionada,  constata:  “Namoro contemporâneo –  namorado, namorada, dois smarthphones, vinte dedos; todos  sobre os aparelhos”.

+++++++++++++++++++++++++++++++

E pensar que os espertinhos da segunda metade do século passado enumeravam assim as três fases do namoro: mão na mão,   mão na coisa   e coisa na coisa.

Pelo jeito, a quarta fase, a mais duradoura,  já esta sendo: mãos no celular.

+++++++++++++++++++++++++

Questão Burocrática

Há tempos não postava aqui no Trombone. É porque estou fazendo parte de dois grupos que produzem microcontos diariamente.    Nos últimos tempos, religiosamente, bato ponto em ambos.  Lógico, todos esses meus microcontos estão salvos em um arquivo do Word.

Vou postá-los, um a um, aqui.

O de hoje foi só para os leitores do Trombone saberem que eu não morri.

A propósito da gracinha da linha acima, não tenho escrito coisas que se pretendem engraçadas, mas trágicas, dramáticas.

Aguardem!