Gritos

No churrasco, o sujeito não parou de cantar e tocar violão, em volume bem considerável,   um minuto sequer.  Minha conversa com  amigo e  companheiro  de mesa, lógico,  inviabilizada.  Lá pelas tantas, alguém gritou o clássico –  TOCA RAUL!

Minha vontade era gritar:

– COME CHURRASCO, INFELIZ!

Não gritei e talvez  se diga que eu fui indelicado ao escrever isso.  Quanto ao que infernizou meu almoço,  tudo certo, não é mesmo?   Mundo esquisito esse de hoje!

4 pensou em “Gritos

  1. Com toda razão pois pelo jeito a música do fulano era tudo menos música. Isto porque incomodou o papo entre você e seu amigo.

  2. Você poderia fazer aquela velha piadinha em perguntar ao cantor se poderia fazer um pedido, dai pediria a ele parar de cantar. Pois é Paulo, nem tudo são flores, sempre há espinhos rs rs rs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *