Cachorros Sentados às Mesas de Buteco – Era o que Faltava. Não falta mais.

Há cerca de dois anos, em uma mesma semana, pelas ladeirentas ruas de Perdizes, vi dois carrinhos de bebês,  sem bebês dentro, mas com cachorros.  De vez em quando, ainda vejo a mesma cena.

Até aí,  os desinfelizes  são apenas desinfelizes e podem exercer o direito de carregar cachorros dentro de carrinhos.  Aliás, até prefiro, já que cães pelas ruas é praga inevitável, sobretudo em Higienópolis.  Entretanto,  o que tenho visto em simpático bar, a cerca  de cinquenta metros da meu prédio, já passa a ser absurdo de tão abusivo.   As mesas mais agradáveis desse bar estão, regularmente, colocadas sobre a calçada.  Pois não é que frequentemente  se veem negos, sem a mais mínima noção de educação e higiene, que botam os cachorros para se sentarem  nas cadeiras, de modo que ficam com o focinho, bocas e pelos sobre a mesa.

Um ano atrás, na Padaria da região,  um energúmeno não pensou duas vezes:  pegou o pratinho em que viera o sanduíche,  derramou café com leite e deu para o cachorro lamber.

O dono da padaria viu, não falou nada.  Fosse eu,  teria arrancado o prato em direção à boca do animal (do animal de quatro patas),  tacaria no chão.  E mais,  na hora em que o sujeito fosse pagar a conta, cobraria o pratinho.  Aliás, cobraria preço bem salgado.   Se o cara reclamasse, chamaria a polícia.  Como diz a garotada, simples assim.

Bem, mas comerciantes são políticos, curioso é que são políticos/delicados   com os búfalos (negos sem educação – não vai aí ofensa alguma aos búfalos propriamente ditos).  O certo, ao invés   de ser político,  seria fazer o que eu faria em consideração aos outros clientes.

Bordão do Trombone:  você pode imaginar pessoas com a Educação das Famílias Reais da Europa, para cima disso é impossível.  Já a falta de Educação/Barbárie, essas, não têm limites.

2 pensou em “Cachorros Sentados às Mesas de Buteco – Era o que Faltava. Não falta mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *