Experiente Jornalista, Mas Desconhecia que Não Existe Jantar Grátis!!!

Para o Amigo Fernando Pawwlow, que gosta dos meus casos, sobretudo os que envolvem jornalistas e políticos.

++++++++++++++++++++

Paulo Maluf é o Paulo Maluf que você conhece.

Diolauc Omarba foi  cronista político  de imenso prestígio.

Era uma mesa redonda com alguns  jornalistas famosos, entre eles Omarba, que entrevistavam Maluf.  Muito provável que todos os jornalistas tenham  recebido  belíssimos cachês.  Afinal, ter nome associado a Maluf e ficar sujeito  às afirmações  do político é tarefa nada agradável.  Mas tudo tem um preço.  Omarba devia saber disso.

Lá pelas tantas,  Maluf, sem a menor cerimônia, ao falar  sobre as dificuldades enfrentadas  por imigrantes,   pede textualmente  o endosso do prestigiado jornalista.  E diz:

– Imigrantes sofrem, não é mesmo  Omarba????

Indignado,   ele  responde:

–  Eu não sou imigrante, minha família é de refugiados políticos!!!  Imigrante é você!!!

Bem feito!!!  Foi fazer pano de fundo pra Maluf e queria o que???

A expressão da moda é:  não existe jantar grátis.  Ora, ainda que a expressão não tivesse sido criada naquele tempo,  será que o experiente Omarba não sabia disso???

4 pensou em “Experiente Jornalista, Mas Desconhecia que Não Existe Jantar Grátis!!!

  1. Caro Mayr, imagino a cena,e lamento que tal vídeo não conste (até onde sei) no Youtube.

    Maluf tendo como “escada” involuntário o Omarba é ,por si, um clássico.

    Sou um apaixonado por “casos”, sobretudo quando narrados com a verve de um talentoso como Paulo Mayr.

    Muito obrigado pela citação,

    abraço do Pawwlow

    1. Caro Pawwlow:

      De fato, fiz esse textinho pensando em como você iria se divertir.
      Fico contente que eu tenha atingido meu objetivo.
      Ótimo 2016 para nós.

      Abraços

      Paulo Mayr

  2. Isso só mostra que tem gente que se presta a tudo – mas nega.
    Lula fez algo pior: foi abraçar Maluf como seu novo aliado político. Jogou fora o que ainda poderia haver de coerência na sua carreira. Deu no que deu. Bem feito.

    1. Antônio:

      Tenho frase muito boa, com falta de falsa modéstia. A primeira parte é domínio público. Lá vai: política é a arte de engolir sapos, com cara de que saboreia lagosta.

      Valeu o comentário.

      Abraços

      Paulo mayr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *