6 pensou em “Só Risos??? Eu Diria, Só Chorando!!!

  1. Diz a lenda que o Estanislau Ponte Preta, (Sérgio Porto para os mais chegados), foi contratado para fazer umas peças que seriam encenadas na televisão. Ele escreveu o roteiro e mais tarde o editor/diretor, o chamou para modificar “faça algo mais popular, abaixe um pouco o nível”. A contragosto o Sérgio refez o trabalho. O diretor o chamou de novo “veja bem… o povo não compreende, faça algo mais raso, mais fácil”. No que Estanislau Ponte Preta respondeu, aborrecido: “Pior do que isso eu não sei fazer!”.

    1. Caro Clerson:

      Tem uma história que eu gosto de contar. Em 73, eu e minha Família assistíamos ao Bem Amado. A cozinheira da família também adorava e via na TV dela.

      Pois bem, começo dos anos 80, voltou o Bem Amado. Nessa época, Sílvio Santos tinha inaugurado havia pouco o SBT. Era hora do Bem Amado. Perguntei para a mesma empregada se ela não assistiria à Volta do Bem-Amado. Ela me disse que no SBT havia coisa muito mais legal.

      Pois bem, O Bem Amado agradava Muito a mim, à minha família e também à empregada da família. Isso é que eu acho legal.

      Uma pena que o nível da TV só tenha feito baixar nas últimas décadas.

      Abraços

      Paulo Mayr

  2. “Só Risos”, ou seja lá o nome que tem, consegue chegar ao nível exigido pelo diretor. Sérgio continuou a chamar a televisão de “fábrica de fazer doido”. Um abraço

    1. Caro Clerson:

      “Só Risos” é inacreditável que exista. Aliás, é tb inacreditável que existam Otávio Mesquita, Amaury Jr; Pinico, digo, Pânico. Lógico que a lista é infinitamente maior, graças a Deus, não conheço tudo.

      Abraços

      Paulo Mayr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *