Policiais Rodoviários Camaradas

Muito boa piada que recebi por email  do fiel Leitor  Junior Bataglini.   Contra qualquer tipo de desperdício, inclusive de piadas, como digo sempre, posto aqui.

Antes,  episódio que me ocorreu muitos anos atrás. Como a piada é bem melhor do que a minha história, fica para o fim.

Meu caso:

Não sou de correr muito, aliás, ando bem devagar.  Mas não sei porque naquela tarde estava uns 5% além da velocidade permitida.  Devia ser 80 km por hora e eu estava a menos de 85.

O guarda me para.  Vou para a cabine dele.  Enquanto estava examinando meus documentos,  motorista de caminhão diz para ele:

– Já arrumei a luz de freio.  Posso ir?

O guarda autorizou.

Naquele tempo, a carteira de habilitação  não tinha foto e você precisava apresentar, junto com a carta, documento com foto.  Dei minha identidade de jornalista.

O guarda disse que iria me multar.

Eu  falei para ele:

–  O caminhão vinha irregular o tempo todo, com a lanterna quebrada.  O senhor o parou, ele resolveu o problema e o senhor mandou que ele prosseguisse.  Comigo a coisa vai se repetir.  Eu estava irregular, o senhor me parou,  eu levei um susto e não vou continuar irregular.  Igual aconteceu com o caminhão.

O guarda:

– Você não me ensina legislação e eu não te ensino jornalismo, combinado?

Argumentei:

– Seu guarda, quem sou eu para ensinar legislação para o senhor.  Estou apenas falando uma coisa lógica.

Sorrindo, ele disse:

– Vai embora logo daqui antes que eu prenda você.

Não prendeu, tampouco multou.

Agora a Piada:

O sujeito finalmente conseguiu realizar o seu sonho de comprar um Audi A4 1.8T, automático e conversível.

Então, numa bela tarde, se mandou para uma auto-estrada para testar toda a capacidade do carro.

Capota abaixada, o vento na cara, o cabelo voando, resolveu ir fundo!

Quando o ponteiro estava chegando nos 120, ele viu que um carro da Polícia Rodoviária o perseguia com a sirene a mil e as luzes piscando.

‘Ah, mas não vão alcançar este Audi de jeito nenhum’, pensou ele e atolou o pé no acelerador. O ponteiro marcou 140, 160, 200… e a patrulha atrás.

‘Que loucura’, ele pensou e, então, resolveu encostar.

O guarda veio, pediu os documentos, examinou o carro e disse:

– Eu tive um dia muito duro e já passou do horário do meu turno. Se me der uma boa desculpa, que eu nunca tenha ouvido, para dirigir desta maneira, deixo você ir embora.

E o sujeito emendou:

– Na semana passada, minha mulher fugiu com um policial rodoviário e eu tive medo de que fosse ele querendo devolvê-la.

– ‘Boa noite’ – disse o guarda.

+++++++++++++++++

De qualquer forma, não convém abusar.  Vai que você não tenha a mesma sorte que eu e o sujeito   da piada tivemos…

2 pensou em “Policiais Rodoviários Camaradas

  1. Tua piada é para não ser contada no momento romântico do dia dos namorados; fica o alerta. Pois bem Mayr, uma piada puxa outra: O sujeito vinha a 180 km por hora quando é parado por um guarda rodoviário, (deve ser o mesmo da tua piada), que diz a ele: “De uma boa desculpa para eu não te multar”. O motorista responde: “Policial, essa rodovia é tão perigosa que eu estava correndo prá sair dela!!

    1. Prezado Clérson:

      Sei que tua piada foi força de expressão. Eu adoraria ser criador de uma piada. Uma piada mesmo.
      E a “sua” piada também é excelente!!!
      Abraços
      Paulo Mayr

Deixe uma resposta para c barbosa Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *