Segunda Morte

Soube essa manhã da morte  de pessoa muito querida, muito idosa de quem, por conta de  correria da cidade grande,   circunstâncias diversas enfim, estava afastado.  Não sei se  já se encontrava  doente, mas confesso que  fiquei satisfeito de saber hoje de sua morte.  Afinal, há  cerca de uns cinco anos, conhecido  dela  comentou comigo que havia  morrido.   Descobrir que excelente  pessoa  ganhou  prorrogação de cinco anos,  não há quem não goste, né???

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *