Torcedores do Timão No Japão – Saibam o que Pode e, Principalmente, o Que Não Pode

Corinthianos e Japoneses, opostos 180°, vão ser obrigados a conviver no Mundial Interclubes de 6 a 16 de dezembro.

Já que evitar acidentes é dever de todos, sobretudo do Corpo Diplomático,  o Consulado do Brasil em Tóquio divulga cartilha para orientar os corinthianos que vão acompanhar o timão.

Lá é proibido caminhar pelas ruas fumando.  Há lugares específicos para o fumo.

E como japonês é mesmo sábio, proibiu o uso de celulares em transportes públicos.  Cuica, pandeiro, reco-reco, cavaquinho,  nos ônibus, metrôs e trens, nem pensar.

E nada de arranjar encrenca e achar que o consulado é o irmão mais velho que vai quebrar seus galhos.  O consulado não vai e deixa bem claro isso.

Está na cartilha:

“O QUE O CONSULADO PODE E NÃO PODE FAZER PELO BRASILEIRO
A função do Consulado é atender os brasileiros no país zelando pela sua segurança e bem-estar, prestando assistência aos desvalidos e providenciando a impressão de passaportes perdidos ou danificados. O Consulado não pode assumir dívidas de brasileiros, emprestar dinheiro, pagar a contratação de advogados, retirar detidos das delegacias e prestar informações de natureza turística ou de serviços.”

Se você vai, é bom conhecer o Guia Do Torcedor Completo.  Clique aqui

3 pensou em “Torcedores do Timão No Japão – Saibam o que Pode e, Principalmente, o Que Não Pode

  1. Vai ser difícil segurar a massa corinthiana no Japão.Se os costumes são diferentes entre o Brasil e o Japão,deveria usar um meio termo;afinal o clima é de festa.

    Caro Cíecero:

    Mas é a tal história, em Roma como os Romanos. Os corinthianos têm que acatar as normas, leis e costumes dos orientais.

    Abraços

    Paulo Mayr

  2. Lei é lei, irá cair do cavalo quem acha que lá pode tudo.
    ++++++

    Caro Júnior:

    Somos eu e você prestando serviço de utilidade pública para o bando de loucos!!!! (risos). Foi legal cê reforçar.

    Abraços

    Paulo Mayr

  3. Teria que começar por aqui, respeitando lugares publicos do Brasil, como aeroporto de cumbica, foi muito triste ver aquelas cenas de vandalismos. Copa do mundo aqui, será que estamos preparados, o povão teria que ver futebol como diversão e não como religião, fanatismo………….

    Poderiam estar construindos mais hospitais, creches, escolas. Mas o governo prefere construir estadios, o time ganha e pronto, o povo esta satisfeito, com isso o resto é tudo supérfulo no pais do futebol……….uma pena.
    ++++++++

    Caro Júnior:

    A questão da Copa aqui é mesmo mto complicada. Para mim, Copa tem que ser sempre na Europa, em países estruturados.
    Quando foi na África, foi legal ver a manisfestção popular, muito legal.
    Vou falar o óbvio: bom mesmo seria se todos os países tivessem estruturas européias e cada copa fosse realizada em um canto desse mundo, vasto mundo redondo. Infelizmente….

    Abraços
    Paulo Mayr

    Abraços

    Paulo Mayr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *