Diferença entre Direita e Esquerda. É Interessante. É Verdadeiro

Acabei de ver no Facebook.  Achei interessante.  Posto aqui.

Lógico, inúmeros vão bater pezinho. Reitero:  achei ótimo.

Aliás, muitos anos atrás disse a mesma coisa, de maneira sucinta,  de forma igualmente bem elaborada, para um amigo de direita.  Sem argumentos, ele tentou fazer deboche.  Não conseguiu.

Stormy Daniels e Monica Lewinsky – Estamos Ferrados!

Duas verdades absolutas, mas que não deixam de ser curiosas.

1) Bill Clinton é infinitamente mais interessante do que Donald Trump.  Aliás,  difícil um homem  ser menos  interessante do que Trump.  Interessante é muito diferente de poderoso.

2) Já Stormy Daniels, atriz de filmes pornográficos, pivô do último escândalo de Trump, dá de 10  em Monica Lewinsky,   que causou o  que causou.

Se o estrago for diretamente proporcional à sensualidade de cada uma, o mundo tá ferrado.

Muro Tombado? Será?

No muro do Prédio Olympic Higienópolis,  P L A C A:

“Colabore!

Por favor NÃO PICHE este muro!

Vamos manter a cidade limpa e bonita!

Este muro é Tombado como Patrimônio Histórico.”

Se for mesmo verdade que se trata de “muro tombado”, quais os critérios usados para “tombar o muro como Patrimônio Histórico?

Óbvio que sou contra vandalismo, mas “muro Tombado”  é um pouco demais, convenhamos.  Ou, como dizem os que usam apenas  50 vocábulos para se expressar,  “muro tombado é um pouco demais, vamos combinar. (dá mal estar só de escrever).”

Dia Internacional da Mulher – Gracinha e Microconto

Dia Internacional das Mulher.  Parabéns a todas!

Bem, para comemorar a data, vou dar uma no cravo e outra na ferradura.

No cravo – reproduzo diálogo que ouvi há pouco no açougue que frequento.  Freguês pergunta o que o que o balconista iria dar de Presente para a mulher.  Ele responde que já havia comprado flores.  O freguês:

-Tá muito certo, precisa dar mesmo.  Eu também já comprei o presente da minha Mulher Inflável.

Agora, na ferradura.  Colo o microconto meu,  que postei em um grupo de escritores no Facebook em comemoração à data.

Lá vai:

Sonhava que algum dia o marido a levaria para dançar no Coreto da Praça, como fez  o da mulher da Música Valsinha do Chico Buarque.

Quem sabe no próximo 8 de março, ou  até mesmo no aniversário dela!

++++++++++++++++

Bonito, né?  Quiser ouvir Valsinha, clique aqui.