Pedindo Comida, Mas… Adivinha!!!

Começo da tarde na Angélica, carregava uma sacola  de supermercado com embalagem de isopor dentro ( é, um  desses saquinho amaldiçoados quando eram grátis e agora passaram a ser vendidos!!!  Os grátis poluem; os tarifados, não!!!  Só rindo, mas deixo isso para lá.)

Voltando, no isopor,  comida muito bem feita que ia dar para os moradores de rua da vizinhança, mas hoje eles não estavam no lugar de costume.

Pois bem, a um quilômetro de casa, um sujeito me pergunta:

– Isso aí é pra doação???

Perguntou assim mesmo.  Eu disse que sim e lhe dei a embalagem.

O cara tinha um cachorro com ele; não tem dinheiro para comer e sustenta um cachorro.  Talvez até tivesse celular, mas aí é maldade  minha, já que eu não vi.

Esclarecendo 1, não gosto de cachorros, mas acho  um paradoxo e, óbvio, que em momento algum me arrependo de ter dado a comida, que, certamente ele vai dividir com o cão.

Esclarecendo 2, na verdade,  nada tenho contra vira-latas.  Eles ficam na deles e não vem cheirar canelas nas calçadas.  Agora cachorrinho/cachorrão de madames e de madamos… e madames e madamos que levam cachorro com aquela coleira que não tem fim, que muitas vezes ocupam a calçada inteira…  Sem comentários!!!

2 comentários sobre “Pedindo Comida, Mas… Adivinha!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *